Angola assina acordo de cooperação com Coreia do Sul

Conversações oficiais entre delegações de Angola e da Coreia do Sul / Foto: Alberto Julião

A cooperação nos sectores industrial militar, naval e no ensino entre as repúblicas de Angola e da Coreia ganhou novo impulso no dia 31 de Março, com a assinatura, em Luanda, de um memorando de entendimento entre delegações dos dois países.

O documento rubricado, por Angola, pelo Secretário de Estado para a Política de Defesa, Gaspar Santos Rufino e pelo Vice-ministro da Defesa sul coreano, In Moo Hwang, prevê também a troca de visitas oficiais.

Ao discursar na abertura das conversações oficiais, Gaspar Rufino realçou a capacidade tecnológica e a experiência da Coreia do Sul no domínio da indústria de defesa militar. Defendeu o aprofundamento e a consolidação da cooperação entre os dois países. Informou que existe interesse da parte da Coreia do Sul em apoiar, caso seja solicitada, Angola em outros ramos das Forças Armadas Angolanas, como o Exército e a Força Aérea.

Já o Vice-ministro da Defesa da Coreia do Sul, In Moo Hwang, sublinhou a “bom clima” de amizade e cooperação existente entre os dois países, desde que em 1995, altura em que o país asiático contribuiu com tropas de manutenção de paz para Angola. Antevê que no contexto africano, Angola se firme como um grande país. “Tem paz e potencial económico”. In Moo Hwang defendeu o incremento das relações de amizade e cooperação com vantagens recíprocas.

Os principais investimentos da Coreia do Sul em Angola são os projectos de granja, em Lucala, no Cuanza Norte, a fazenda de Algodão no Sumbe, Cuanza Sul e o projecto de Reforço da Defesa e Segurança Policial.

Fonte: ANGOP

0