Angola Construirá Estação de Cabo Submarino e Centro de Dados no Brasil

António Nunes, PCA da Angola Cables / Foto: Pedro Parente

A empresa de telecomunicações, Angola Cables, dispõe já do terreno para instalar em Fortaleza, capital do Estado brasileiro do Ceará, a estação de cabos submarinos de fibra óptica e um centro de dados para coordenação do sistema que ligará as cidades de Luanda e Fortaleza.

O acto de concessão do terreno foi formalizado no dia 24 de Julho, em Fortaleza, com a assinatura do contracto pelo Prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, e António Nunes, Presidente do Conselho de Administração da Angola Cables.

A Angola Cables vai gerir o cabo de fibra óptica de seis mil e 165 quilómetros, que, no quadro do Sistema de Cabos do Atlântico do Sul, ligará a África e a América do Sul, no primeiro momento e mais tarde a América do Norte, quando estiver em funcionamento o Sistema de Cabos Monet.

O Sistema de Cabos Monet, um consórcio integrado pela Angola Cables (Angola), Algar Telecom (Brasil), Google (EUA) e Antel (Uruguai), é um sistema de cabos submarinos de fibra óptica que ligará Fortaleza e Santos, no Brasil, a Miami, nos Estados Unidos da América.

Fonte: ANGOP

0